Passatempos:

O Cão Que Perdeu o Rebanho - Consol Iranzo [Opinião]


.


O Cão Que Perdeu o Rebanho
Todos precisamos de alguém que nos indique o caminho
de Consol Iranzo  

Edição/reimpressão: Fevereiro de 2011
Editor: Clube do Autor
Páginas: 112
ISBN: 9789898452245

SinopseO Cão Que Perdeu o Rebanho é uma fábula protagonizada pelos habitantes de um bosque imaginário, cujos comportamentos são facilmente identificáveis no mundo dos humanos. As aventuras vividas por um grupo de animais-um cão, um leão, uma serpente e uma toupeira-irão fazê-los descobrir algumas das suas habilidades ocultas, reflectir sobre si próprios e, consequentemente, descobrir um mundo de novas possibilidades. Este texto constitui uma abordagem ao mundo do coaching e dirige-se a todos aqueles que pretendem conhecer melhor esta filosofia. Deste modo, ajuda-nos a reflectir sobre o facto de, em determinadas ocasiões, sermos nós próprios a causa das nossas limitações, ao não acreditarmos nos nossos talentos.O coaching é uma técnica de desnvolvimento pessoal que pode ajudar uma pessoa a estruturar os seus passos quando ela não sabe o que fazer, a acreditar em si e a descobrir novas potencialidades na sua vida pessoal ou profissional.


Ponto de Vista: Desde sempre que as fábulas ocupam um lugar muito especial nas minhas leituras, e sempre que tenho oportunidade de ler uma não penso duas vezes, porque são textos simples que se lêem rapidamente e que nos fazem sempre pensar, às vezes em coisas que muitas vezes ignoramos, e o facto de a história ser vivida por animais, na sua maioria, torna tudo muito mais afectivo.

Em O Cão que Perdeu o Rebanho, encontramos todas estas características, e acabamos, por afinidade com as personagens, a entender as nossas próprias motivações e capacidades.

Uma história que começa de uma forma triste, pois encontramos Socri, um cão abandonado que toda a sua vida guardou rebanhos e que, pelo simples facto de o seu dono ter vendido todas as ovelhas que possuía, acaba por lhe traçar o infeliz destino de ficar entregue à sua sorte.  

Achei que ficaríamos sempre juntos, eu era-lhe fiel e nunca pusera sequer a hipótese de ir trabalhar com outro pastor, e não fora por falta de ofertas de trabalho, por sinal, bem atraentes.”

E, enquanto Socri procura um novo objectivo para a sua vida vagueando pelo Bosque Animado, depara-se com um temível animal, o velho Rei leão, que se tornará um grande amigo e um companheiro de viagem pela busca de coach, alguém com a capacidade de resolver todos os seus problemas. Assim, caminhando por esta busca, vão encontrando outros animais a quem se juntam na mesma viagem e com quem constroem laços de amizade e confiança, e onde também enfrentarão perigos que só conseguirão ultrapassar pela união e pela descoberta das qualidades e capacidades de cada um.

“Também me permitiu aprender o valor da amizade: que nos queiram e nos respeitem pelo que somos interiormente e pelo que somos ou podemos vir a ser realmente, e não por elementos externos como a hierarquia ou um qualquer título que nos seja atribuído.”

E, quando por fim encontram o coach, tudo aquilo que procuravam já tinha sido descoberto na sua aventura pelo Bosque Animado.

“(…) acho que agora também sou capaz de apreciar e valorizar o meio tão privilegiado em que tenho a sorte de viver; este Bosque Animado, onde cada amanhecer é diferente, em que o Sol nos obsequeia com a sua luz e o seu calor, as árvores nos acolhem e algumas nos dão alimento, o vento nos acaricia, a Lua nos oferece tranquilidade, o rio sacia a nossa sede.”


Um pequeno livro que nos mostra de uma forma bastante simples a essência do coaching que visa encaminhar-nos para um objectivo, uma meta colocando em evidência as nossas próprias capacidades, que muitas vezes até desconhecemos, e que nos permitirão chegar onde pretendemos.

“Nunca me vi numa situação como esta e agora dou-me conta de que o facto de me abrir a novas experiências, sem preconceitos de qualquer espécie, me oferece um novo mundo de oportunidades (…)”


Em estrelas: 4{

Para saber um pouco mais:

4 Responses to “O Cão Que Perdeu o Rebanho - Consol Iranzo [Opinião]”

  1. Histórias com animais, fazem-me sempre chorar... Espero que esta tenha um final feliz :D

    Beijinhos

  2. Claro q tem! Só o inicio é q é um pco triste... Mas é uma fábula, e as fábulas nunca são p nos deixar tristes e sim p nos fazer pensar.
    ADORO fábulas, fazem parte do meu crescimento, enquanto "uns" têm a Anita, eu tenho um livro bem velhinho das Fábulas de La Fontaine, mas isso fica então p outro testamento q alguém me incubiu de fazer.

    Qto a este livro, o tema principal é o coaching, algo muito utilizado já em empresas, e no fundo a história associa-se c uma empresa, e os animais passam um pco pelos funcionários, c personalidades diferentes e q no fim se completam. Só é pena q as coisas, na vida real, ñ sejam assim tão simples e lineares cm na história...

    Brigada por me leres. ;)***

  3. verónica says:

    Agora fiquei a querer ler também o livro. Além diso a capa é tão fofinha.

    Isto é do género das rãs que pensavam que eram peixes? Com algumas dicas por trás?

  4. Sim, nhã Kikas é mto o género das rãs, mas c um pano de fundo menos cómico, mas c várias lições p encararmos os problemas, a vida, as relações, o respeito pelos outros.

    Eu ñ especifiquei o grupo de animais porque a história parte do encontro do cão Socri com o leão a quem todos chamavam Rei, depois junta-se uma cobra, e depois uma toupeira, um grupo pco provável e sem nada em comum, mas vão conseguir conquistar mtas coisas juntos, e claro está quando finalmente se encontram com o coach tb ele um animal, mas q deixo em segredo, fazem um ponto da situação, de tudo o q viveram e q conseguiram superar e conquistar em grupo e individualmente.

    E, apesar de ñ ter colocado nada nos meus "apartes", tb acho o cão fofo, e a juntar um marcador c o cão fofo, e pelo meio umas ovelhinhas fofas, enfim um livrinho querido. =)

    Bejinhu***

Your Reply

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ouvindo...

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 2.5 Generic License